Como calcular comissão de cabeleireiro?!

Aprenda com a Dra. em administração, Dani Venancio como pagar e como calcular a comissão de cabeleireiro em um salão de beleza.

Qual comissão pagar para um cabeleireiro?

Compreenda que antes de estabelecer a comissão do profissional, você precisa, aliás conhecer seus custos diretos e indiretos, confira nesta aula.

Sem conhecer as suas despesas, é impossível você perceber qual a comissão correta para o seu estabelecimento.

Contudo, cada salão possui uma comissão única para fechar a conta financeira.

Por isso, é importante estudar finanças. Já pensou em estudar comigo?

Falando nisso, você sabia que até às 00h de amanhã (30), nossos cursos estão com 50% de desconto? Se quiser saber mais acesse aqui.

Se tiver dúvidas, chama a Daisý no WhatsApp: (48) 99944-9354 ou neste link: http://bit.ly/WhatsAppCriadoresdeImagem

Retomando, de modo geral, eu como educadora vejo que existe uma média destas comissões de cabeleireiro.

Mas tudo, entretanto, depende do tipo de contratação.

Assim, existem dois tipos:CLT (muito pouco usada) e Salão parceiro (contrato de parceria).

1.   CLT

Nestes casos, o gestor do salão opta por pagar um valor fixo, acrescido de comissão, caso o profissional tenha uma meta mínima de faturamento.

Após esta meta, o profissional receberá uma comissão de 5 a 10% por atendimento. Para chegar a valores salariais, converse com seu contador.

2.   Salão Parceiro

As maiores dúvidas estão neste item, pois o profissional sendo um parceiro do salão, ele receberá apenas a comissão, que pode variar de acordo com o estilo de contrato assinado.

Por exemplo: Nestes casos é comum uma aplicação de comissão de:

Comissão de 25% a 45%

Este tipo de comissão é pago para os profissionais que somente fornecem a mão de obra técnica no salão parceiro, sem ter custos com cosméticos, tintas, colorações e etc. O profissional entra apenas com a mão de obra e recebe todo o material para trabalhar.

Comissão de 46% a 55%:

Este tipo de comissão é pago quando o profissional é responsável pela compra de produtos, equipamentos e materiais do dia a dia.

Acima de 55%:

Este caso costuma ser um pouco mais raro e funciona para profissionais já consolidados no mercado e com uma boa cartela de clientes. Aqui é importante estabelecer metas de faturamento mínimo para pagar esse rateio mais alto.

Então: Repito, não há regra, com certeza há exceções. Contudo, há diferenciações.

Cada serviço, uma comissão:

Também é normal o salão pagar comissões diferentes, para o mesmo profissional, dependendo do serviço. Por exemplo:

Corte, escovas, penteados: 40%

Colorações 50%

Maquiagem: 60%

Descontos:

Muitas empresas descontam a taxa do cartão antes de efetuar a divisão do pagamento, assim se a cliente pagar R$ 100,00 no corte de cabelo, e o profissional tiver um rateio de 40%, o pagamento seria feito da seguinte forma:

Corte: R$ 100,00

Taxa cartão: 2%

Comissão: 40%

R$ 100,00 – 2% = R$ 98,00

 R$ 98,00 x 40% = R$ 39,40

Repare que o calculo da comissão será sobre o valor depois de descontar a taxa de cartão.

Para não errar, lá vai o mais importante:

Estude finanças e conheça muito bem a sua empresa!

Conte comigo para te ajudar neste processo!

Se preferir, seja meu aluno em um curso de gestão presencial ou online, através do Criadores de Imagem.

Não esqueça de compartilhar suas dúvidas e opiniões aqui!

Conheça ainda nosso canal do Youtube

0 comentário(s) para "Como calcular comissão de cabeleireiro?!"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Criadores de Imagem. Todos os direitos reservados.
X