Como definir a comissão de uma manicure

Aprenda como calcular a comissão da manicure para o salão de beleza e como como contratar manicures autonomas. Aprenda quanto pagar de comissão.

Como definir a comissão de manicure

Como calcular a comissão de manicure? Quanto pagar para esta profissional?

Você sabe?

Que tal um valor entre 70%, 50%, 40% e 35%?

Ajudei?! Acho que não…

Neste post, vou falar sobre como calcular e definir a comissão desta profissional.

Quando me fazem esta pergunta, eu, Dani Venâncio, mestre e doutora em administração, respondo sempre: Depende!

Para calcular a comissão é importantíssimo saber as despesas do seu salão.

As despesas diretas: taxa de cartão, imposto, produtos,

E as Indiretas: Água, luz, telefone, aluguel, e todas as outras despesas necessárias para fazer o salão acontecer.

Sem conhecer as suas despesas, é impossível você perceber qual a sua comissão correta para o seu estabelecimento.

Cada salão possui uma comissão única para fechar a conta financeira.

Aliás, Fiz uma Live sobre o tema, caso, você não saiba o que é? Confira!

Por isso, é importante estudar finanças, mas no mercado de forma geral, eu como educadora vejo que existe uma média destas comissões.

Assim, existem dois tipos:

  1. Estilo esmalteria, quando o salão fornece todo o material para a manicure, e ela entra com a mão de obra.

  2. Quando a manicure entra com todos os produtos e o serviço e o salão apenas fornece o espaço.

Como gestora na área da beleza há 20 anos e uma pesquisadora do segmento. Identifiquei que:

No caso número 1, a grande maioria (isso não é uma regra), paga uma comissão de 35% a 50% para a manicure.

No caso número 2, a média de mercado é de 55% a 70% de comissão. Repito, não há regra, com certeza há exceções.

Entretanto, lembro sempre que, anteriormente, ao fazer qualquer proposta de rateio, você precisa avaliar seus custos.

Além deste formato de parceria, você ainda pode contratar suas manicures no formato CLT.

Contudo, para isso, sugiro que consulte seu contador e se informe mais a respeito.

Assim, eu acredito que a Lei do Salão Parceiro seja bem atrativa, principalmente na questão de rateio e impostos.

Inegavelmente, se você for um empreendedor e profissional da beleza.

Conte comigo para te ajudar neste processo!

Se preferir, seja meu aluno em um curso de gestão presencial ou online, através do Criadores de Imagem.

Não esqueça de compartilhar suas dúvidas e opiniões aqui!

Conheça ainda nosso canal do Youtube

29 respostas em "Como definir a comissão de uma manicure"

  1. Amei a dicas..e e for cabeleleira como ratear a comissão?

  2. Qual seria essa “atração” da lei do salão parceiro no que se refere ao rateio e impostos?

    • Oi Janaina, o benefício eh que o salão, sendo salão parceiro, paga imposto sobre serviço da parte que fica para o salão.
      Exemplo: o cliente paga R$ 100,00 num serviço, R$ 50,00 vai para o profissional e R$ 50,00 fica para o salão.
      O salão pagará imposto sobre R$ 50,00 e não sobre R$ 100,00.

  3. Danni, no nosso Studio…as manicures estão trabalhando apenas com os alicates delas e estão recebendo 60% ?
    E uma delas começou a dizer que se ela trabalhar com todo material dela ..sendo algodão, acetona, esmaltes e alicates ela aceitaria, desde que ganhasse 70% em cima. O que vc acha disso?

    • Oi Tudo bem? Sua pergunta é super importante. É bem comum os profissionais fazerem esses questionamentos, você deve primeiro ver seu custo quanto a manicure, para ver se consegue pagar essa comissão. Essa comissão para pequenos salões é normal, desde que entre dentro do seu custo e não fique no vermelho.

  4. Gestão de salão

  5. Oi boa tarde eu tem manicura o material e d ela ganha 80% uma d ela quero que paga a,sua passagem qual proposto pousso fazer para,ela.

    • Oi Sandi,
      Ótima pergunta, para a tomada dessa decisão você deve se basear no custo desse serviço, é importante você calcular a rentabilidade. Eu tenho um modulo financeiro que pode te ajudar a calcular todos os custos de serviço para saber se ele é rentável ou não.
      Boa sorte!

  6. Adorei seu post!

    Recentemente fiz um artigo sobre como o curso da Faby Cardoso está mudando a vida das manicures do Brasil, a galera está gostando muito.

  7. Olá boa tarde! Eu sou sócio com uma outra pessoa num pequeno salão de cabeleireiro, onde tenho apenas uma funcionária (estamos começando então o fluxo não é grade). Está funcionária presta serviços de cabeleireira, manicure e pedicura. Eu e meu sócio estipulamos pagar para a mesma 40% nos serviços de cabeleireira (nós fornecemos os produtos) e 70% nos serviços de manicure e pedicure (ela fornece os produtos). Você acha que estamos certos com as porcentagens? Mais uma dúvida, nós devemos pagar para ela todos os dias (serviço feito, serviço pago!) ou seria semanalmente ou mensalmente que devemos pagá-la? Qual seria o correto? Desde já agradeço a atenção!

    • Olá Marcos,
      Vamos lá com relação a comissão 40% no serviço de cabelo você dando o produto 70% no serviço de unha ela dando os produtos, está na média do mercado,mas as vezes 2% a mais ou 2% a menos vai fazer diferença pra você como resultado ou para ela como motivação, é importante você preencher a planilha do financeiro e colocar lá o serviço nela, se faz o serviço de cor, se você cobra R$100,00 ela ganha R$$40,00 de produtos gasta tanto de despesas indiretas X olhe a aula de financeira e preenche para tu perceber qual é a tua lucratividade depois de pagar todas as tuas contas, mas está dentro do mercado só pra te responder de forma mais direta. Quanto ao pagamento o mercado costuma á semanalmente ou a cada 15 dias, quanto mais tempo você tiver para pagar melhor,por exemplo 1 vez por mês seria bom, mas acho meio difícil um salão que pague por mês, no meu salão pago a cada 15 dias de forma quinzenal.Certo!??
      Bons estudos!!

  8. Bom dia Janaína, quanto posso cobrar por cada profissional apenas o espaço, sendo que a mesma entra com todo material que for usar, obrigada

    • Olá Clélia,
      Olha vou te falar o minimo do teu ponto de partida, e a partir dali você colocar um valor, porque o valor depende muito depende se a pessoa só subloca as vezes a pessoa quer só sublocar para oferecer algum serviço e por exemplo vou sublocar essa sala de depilação que eu tenho só para oferecer esse serviço para o cliente e não vou ter muita rentabilidade em cima desse serviço, então depende muito depende do seu objetivo para que você comece a pensar no valor sugiro que você saiba de todas as suas despesas diretas e divida pela metragem do seu espaço que daí você vai ter seu custo por M² e esse teu custo vai ser uma base para dai você cobrar por M² claro que colocando um valor maior que ele para que você também tenha resultado para que tenha lucro.
      Bons estudos.

  9. Olá, tudo bem?

    Sou manicure a quase dois anos, e atendia a domicílio. Fiquei afastada por 4 meses devido problemas de saúde e agora voltei, mas em uma esmaltaria ganhando 50% de comissão, ela fornece os materiais. Só que vejo que os materiais são escassos, sempre falta e além disso ela não investe muito em divulgação. Com isso pensei em propor uma parceria, onde levo todos meus equipamentos e materiais ( tenho um bom estoque) e ajudo na divulgação. Qual sua opinião sobre isso? Devo propor ou deixo como está? E qual seria a melhor proposta de porcentagem nessa parceria?

    • Olá Juliana,
      A comissão de 50% é ela oferecendo todos os materiais é uma comissão bem boa para o profissional,agora se tem falta de material e se está desmotivada por conta disso, busque conversar primeiro fale o que você senti em relação a escassez de materiais ou se você pensa em fazer uma proposta dando todo o material e ela aumenta a comissão em X por cento, é uma proposta e não custa se você achar que é uma melhor forma, conversa posicionando sua visão sempre com carinho é claro se colocando no lugar do outro também e de repente para esmalteria é interessante, agora caso tenha mais manicures ai é mais difícil mudar o modelo por causa de uma manicure.
      Abraço.

  10. Eu tenho um salão e todo Mateus e meu elas entra só com mão de obra quanto posso pagar a cada uma manicure e cabeleireira qual a posentagem que devo pagar

  11. Olá, tudo bom?

    Estou abrindo uma esmalteria e gostaria de saber o que o mercado está praticando, pois em alguns lugares mesmo o estabelecimento dando todo o material necessário para efetuar os procedimentos (desde os mais simples até os mais complexos, como alongamentos por exemplo) vejo que varia bastante, não tem um padrão. 70% para o salão e 30% para a manicure seria justo? Ou nesse caso o ideal seria 60% para o salão e 40% para a manicure?

    • Oii Ligia,
      O padrão é esse mesmo que você escreveu, mas eu sugiro que você assista toda a aula de Financeira, para você entender bem o peso da comissão no financeiro do salão de beleza, assista todas as aulas e depois você me diz.
      Bons estudos.

  12. Angelica Cristina Rodrigues de Souza Coelho28 de janeiro de 2020 em 22:28Responder

    Dani, Meu nome é Angelica e estou pensando em abrir uma Esmalteria em esquema de parceria, estou pensando em 40%X60%.
    Mas, ainda tenho uma duvida tributaria.
    A minha empresa ser A aberta como SIMPLES e farei parceria com as manicures que são MEI.
    Eu pagarei os 6% sobre o total do valor dos serviços prestados as minhas clientes ou somente sobre os 60%, que cabe a esmalteria?

    • Olá Angélica, tudo bem, esta dúvida é bem comum. Saiba que você tendo uma empresa simples com contrato de parceria dentro das regras da Lei do Salão Parceiro, você irá pagar apenas o imposto do lucro do serviço que permanecerá no salão, descontando o rateio/comissão destes profissionais. Ou seja, se você ficar com 60% para o salão, você pagará imposto somente acima destes 60%. Por exemplo, você faturou 100 mil, destes 40 mil foram pagos de comissão e 60% ficaram para o salão.
      O imposto sempre será pago com base no lucro final do salão. De qualquer forma, eu te aconselho, a conversar com seu contador, porque ele é a melhor pessoa para te explicar as regras e como deve ser feita a emissão das notas fiscais. Além disso, saiba que um bom sistema pode fazer isso automaticamente. Eu trabalho com a Avec e eles me ajudam nesta divisão. Te desejo Boa Sorte e qualquer coisa, volte a me escrever.

  13. Boa tarde
    Fui convidada a trabalhar em um salão, só que a proprietária quer que eu leve todo o material até toalhas,e me pediu uma ajuda de custo mais não deu um valor, gostaria de saber até que valor pode ser essa ajuda de custo.

    • Olá, normalmente a ajuda de custo se refere ao vale transporte e no máximo uma ajuda com alimentação, mas te sugiro que antes de fechar esta parceria que você alinhe todas as dúvidas com esta proprietária para que evites dor de cabeça e que saibas bem qual é o combinado da parceria. Além de alinhar o valor, dias e o que está sendo pago, questione por quanto tempo você contará com este auxílio, para não ser pega de surpresa. Ainda, questione, se terá alguma meta de faturamento atrelado a ajuda. Por exemplo, se atender 4 clientes de manicure por dia ganha o benefício de vale transporte. Espero ter ajudado!

  14. Olá td bem? Amei seu post,seu conteúdo esta muito bom. Vou acompanhar o blog ,Sucesso 🙂

  15. Nossa
    De todas as informações que encontrei a sua com certeza foi a melhor
    Estou pretendendo montar um centro estético e a dúvidas que vc respondeu dos outros comentários me ajudou bastante

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Criadores de Imagem. Todos os direitos reservados.
X