Perguntas e Respostas sobre Coronavírus e Mercado da Beleza!

Confira Perguntas e Respostas sobre Coronavírus e Mercado da Beleza. Separamos dúvidas e questionamentos de empreendedores e do profissional da beleza

Perguntas e Respostas sobre Coronavírus e Mercado da Beleza!

Olá, me chamo Dani Venâncio, atuo no mercado da beleza desde 1999, tenho dois salões de beleza aqui em Florianópolis, Santa Catarina e uma barbearia.

Junto com a minha trajetória, como empresária do mercado da beleza, eu também estudei muito administração, área em que me graduei, fiz mestrado e doutorado pela UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina).

Então, são mais de vinte anos estudando e atuando no mercado da beleza, e a complexidade deste momento, por causa do coronavírus, fez com que eu durante esse período, trabalhasse muito com o que fazer em relação a isso que a gente está vivendo.

A ideia da aula de hoje, é responder para vocês algumas perguntas, dos meus alunos e também dos meus seguidores do instagram.

Esqueci de contar, que sou professora,

Aliás, é onde eu mais gosto de atuar, onde sei que esta minha verdadeira vocação, eu fui professora universitária por 3 anos na disciplina de gestão na área da beleza na universidade Unisul aqui em Santa Catarina.

E, então, desde de 2015, eu viajo pelo brasil dando curso de gestão para a área da beleza, gestão financeira, planejamento estratégico, marketing, liderança, treinamento de atendimento, diferenciação e encantamento, toda parte de administração para o salão de beleza.

Atualmente, tenho mais de 6 mil alunos e foi a maior parte das perguntas vieram dos alunos.

Por isso, eu acho muito importante compartilhar com você que atua no mercado da beleza porque você pode ter as mesmas duvidas,

Portanto, peço também que você compartilhe com outras pessoas para que a gente possa levar informação, certo?

Mas, vamos para as nossas perguntas:

Entretanto, você pode optar por assistir, ouvir ou ler.

Todas essas opções estão abaixo:

VÍDEO

PODCAST

Clique em ouvir no navegador e PLAY.

TEXTO

1- Os pequenos negócios irão sobreviver Dani?

R: tanto os pequenos negócios como os médios ou empresas grandes ou até aqueles profissionais que trabalham sozinhos, ele será afetado de uma forma ou de outra, a questão da sobrevivência vai depender muito do planejamento financeiro de cada empresa

Então, por vezes uma pessoa que tem um salão pequeno, tem um capital de giro, tem uma reserva financeira.

Você pode falar assim: “Dani qual salão pequeno que vai ter uma reserva financeira?”

Contudo, eu sou filha da dona Maria, que teve 10 filhos, que nasceu em uma comunidade muito simples de Florianópolis, e a minha mãe sempre teve uma reserva financeira, mesmo sendo autônoma.

Certamente, isso é muito mais uma questão de hábito do que uma questão de “a se sobra dinheiro”, “a tem que sobrar dinheiro para eu ter uma reserva financeira”.

Igualmente, tem salões grandes que eu conheço, que são meus alunos, que dou mentoria, que faturam muito, que tem sucesso, que tem movimento, mas não tem reserva financeira por conta de hábito.

Então, a questão da sobrevivência aqui, ou não digo de garantir a sobrevivência, mas facilitar a passagem de vocês por esse período vai depender muito do planejamento que cada um tinha ou que teve.

Continuando essa questão financeira também estão me perguntando:

2- Devo pagar as contas? Devo pagar o aluguel? Devo pagar os fornecedores?

R- Bom deve ficar bem claro, dever você deve, por quê?

Porque você tem um contrato com essas pessoas, então é muito importante que você pague, porém nós estamos passando por uma situação gente, que é uma situação única,

Uma situação de calamidade pública, o que eu estou indicando a fazer em relação as contas e que é muito importante que você faça isso, quando as pessoas me perguntam “Dani qual é a dica número 1 para passar por esse momento?”

Essa é a dica mais importante: Faça a lista de quando você deve, se você já tem isso em um sistema, ótimo, se não tem faça de forma manual mesmo, o quanto você deve nos próximos 90 dias.

Aliás, você vai dizer “Dani eu levantei aqui e eu devo R$15.000,00”, ok você deve R$ 15.000,00, quantos que você tem em caixa?

“A eu tenho R$5.000,00” então vai faltar R$ 10.000,00, certo?

Tem aqueles que vão dizer “Ah, pois é Dani mas eu ia contar com esse restante para entrar, porque salão é assim né? entra e sai dinheiro, então eu tenho só R$ 5.000,00 e tenho R$ 15.000,00 de conta pra pagar”

Então, é a hora de você priorizar, com esses 5 mil você vai decidir pagar o que? Eu sugiro que você decida pagar, primeiro, como prioridade, salários e comissão dos profissionais, certo?

O restante você não pode simplesmente decidir assim “Ah, não vou pagar”, entre em contato, no momento de crise, quando a gente estuda gestão de crise,

Por isso, a palavra mais importante é a “COMUNICAÇÃO”,

Entretanto, devemos entrar em contato com o proprietário do imóvel, entre em contato com os seus fornecedores, entre em contato com todas as pessoas que você tenha uma dívida futura e que você já está prevendo que não vai conseguir pagar, ok?

Outra dúvida que aparece é “Dani Vale a pena pegar financiamento bancário?”

Quem é meu aluno e que está ouvindo essa aula, sabe que eu sou muito resistente em relação a pegar empréstimos, porque quando uma pessoa vem me pedir um conselho ou uma mentoria e fala

“Ah, Dani estou pensando em pedir um empréstimo”, eu sempre faço perguntas relacionadas a gestão financeira, porque é bom pegar um empréstimo bancário, quem tem a casa arrumada, se não a pessoa acaba caindo em uma bola de neve.

Assim, eles me dizem, “a vou pegar um empréstimo porque eu tenho conta para pagar, mas não tenho dinheiro”, mas, reflita, porque você não tem dinheiro para pagar as contas?

Primeiro vamos resolver esse problema, porque se não você nunca vai sair dessa questão do empréstimo.

Agora nesse momento atual, essa minha orientação ela já não é tão valida, é momento sim de pegar financiamentos e pedir ajuda, você não precisa se sentir assim:

“Nossa estou pegando ajuda, que péssimo isso” eu digo, NÃO, pois o momento pede isso, a única questão que eu quero deixar aqui de dica é tenha calma, ainda iram surgir, eu imagino, nos próximos dias, opções de empréstimos, financiamento ou de crédito com uma taxa de juros menor, a Caixa Econômica já anunciou, Banco do Brasil também já anunciou essa possibilidade, então vamos esperar para não sair pegando o primeiro empréstimo que tivermos acesso nesse momento.

Porque uma taxa de juros menor, vai fazer a diferença, além disso, muitos bancos estão oferecendo prazos para começar a pagar, isso é muito importante e isso vai fazer a diferença.

Em relação a conta a pergunta que eu estou mais respondendo nessa semana é:

Devo pagar o aluguel? Respondi ela centenas de vezes e a resposta é dentro disso que eu falei, dever, deve, mas é importante que você negocie, porque se você não tem dinheiro, negocia, diga que vai atrás de um empréstimo, explica a situação.

3- Meu salão começou a 3 meses. Acabei de inaugurar meu salão ou inaugurarei meu salão daqui uma semana, e agora?  Será que eu vou superar esse momento?

R: A verdade é que quando a gente abre uma empresa, é como um bebê, eu sempre falo isso, uma empresa de até 3 anos de vida, é um bebê, então quem está abrindo uma empresa, não deve contar com lucros, porque se eu estou abrindo, é natural que não tenha cliente no começo.

Então se você fez um bom planejamento, provavelmente você será atingido menos do que eu que já tenho vinte e poucos anos de empresa, porque uma empresa no começo, precisa desse capital de giro né, mas da mesma forma, todas as regras servem para você busque um empréstimo com juros baixos, converse com os seus fornecedores para negociar os prazos.

Entenda que, está todo mundo no mesmo barco, uma coisa que eu tenho comentado muito lá nas minhas Lives do Instragam: quando a gente estuda crises, vemos que existem dois ambientes onde as crises acontecem:

Ambiente interno e o ambiente externo. Uma crise no ambiente interno, a gente precisa estarmos preparados porque uma empresa que vive, uma empresa que está na rua, que está dando a cara a tapa, ela vai passar por crises.

Exemplos de crises internas: saída de profissionais, sociedades que se desfazem e geram uma crise interna, coisas que acontecem no dia a dia e que prejudicam o andamento da empresa.

Quando a crise é interna, ela é tão difícil quanto a essa crise externa, talvez até mais, porque o governo não vai dá um financiamento mais barato, o fornecedor não vai ser mais gentil com a gente, nós teremos menos suporte.

A crise que estamos passando, é uma crise externa que afeta a todos, então isso a torna ela boa? Não, de forma nenhuma, ela continua sendo uma crise, pega a gente desprevenido, assusta, apavora muitas vezes, só que está todo mundo junto né?

Está todo mundo no mesmo barco, então se você começou o salão agora, ou começou o salão a muito tempo, se você já tem um salão há 20 anos como eu, ou se você em 5 anos de empresa, está todo mundo passando pelas mesmas situações e isso de certa forma dar um conforto.

A ajuda do MEI, tem muita gente me perguntando, Paulo Guedes falou durante essa semana, sobre a ajuda de 200 reais para quem tem MEI.

4-Dani como eu faço para receber essa ajuda?

R- Primeiro que isso é um projeto, até esse momento, hoje é dia 20 de março de 2020, até esse momento ainda está sendo aprovado, pelo congresso, mas se for aprovado, ele deixou claro que essa ajuda será para pessoas com renda baixa.

O que é uma renda baixa Dani?”

A renda baixa é para quem tem uma renda familiar menor que 3 salários mínimos ou que a renda por morador não passe de meio salário mínimo, ou um ou outro, se você pode ter a situação que na sua casa não passe de 3 salários mínimos, você tem direito a receber, ou passa de 3 salários mínimos, mas quando se divide pelas pessoas que vivem na casa e que tenha uma dependência sua, não passe de meio salário mínimos por pessoa, você também tem direito.

Então não é todo mundo que tem esse direito, ou pelo fato de ser MEI que você terá direito de receber de receber essa ajuda, me acompanha lá no instagram que lá vou estar sempre atualizando vocês quando a lei sair, o que tem que fazer e essas coisas.

5- Devo devolver o dinheiro para os clientes que reservaram datas para formatura ou casamentos?

R- Eu acho simpático devolver o dinheiro, porque a gente quer esse relacionamento a longo prazo, e também porque o cancelamento não foi por opção dela, tem até uma questão jurídica também.

Ai você me dizer: “Dani eu não tenho mais o dinheiro porque eu gastei”,

De novo a palavra aqui é comunicação, entre em contato com essas clientes e fale “olha eu acho justo, foi por uma força maior, posso deixar de credito para quando voltar dessa situação você possa usar em escova, mão etc?”

A cliente pode dizer que não, uma alternativa a dizer é “então posso te devolver assim que o movimento voltar e o dinheiro começar a voltar no caixa?”, primeiro sempre converse com as pessoas.

6- Como manter os profissionais CLT, posso dar férias coletivas?

R- Você pode dar férias coletivas sim, desde que seja acordado no sindicato, não pode ser uma coisa que você chegue na sua empresa e diga “a ou dar férias para todo mundo”, não, isso não, tem que ser acordado no sindicato.

No sindicato você também pode acordar sobre redução de horas, por exemplo: você tem uma pessoa que trabalha na limpeza 40 horas semanais, você pode reduzir em até 50% das horas dessa profissional, porém precisa ser acordado no sindicato está bem? Não é assim feito na sua cabeça de forma informal.

Tem ainda, pessoas fazendo pergunta sobre coisas de marketing como:

7- O que fazer para as clientes voltarem? O que fazer para atrair clientes nesse momento para as cidades que ainda não fecharam?

R- Gente eu acho que esse é o momento para fazermos planejamento financeiro e não fazer marketing para atrair clientes, claro que você pode fazer um marketing social, falando sobre a importância de lavar as mãos,

Contudo, entenda que você pode e DEVE continuar com o seu relacionamento com a sua cliente, fazendo outro tipo de marketing, como o marketing de conteúdo, para as cidades que as clientes estão em casa.

Pense em fazer um vídeo ensinando como tirar o esmalte, como cortar uma unha de forma que a unha não encrave, como fazer uma automassagem no corpo para drenar, como lavar um cabelo em casa, aproveita para criar conteúdo relacionado ao tema, já que você está em casa o que você pode fazer, então é hora de você colaborar, tendo em vista a situação.

Ontem me chamou a atenção, que um colega da área, fez um TBT, postando uma viagem dele para o exterior, eu tenho certeza absoluta que ele não fez isso com o pensamento de “ah, vou fazer isso para ofender”. Eu sei que não, mas assim, nesse momento a gente precisa ter sensibilidade.

Muita gente me perguntou o seguinte:

8- Dani aqui na minha cidade, ainda não é obrigatório fechar, o que tu achas? Devo fechar?

R- Depende muito de cidade para cidade, nosso pais é um continente, eu tenho alunos lá do norte, que até então ainda não se tem casos, de repente no momento que você está ouvindo essa aula, já tenha casos, mas se não tem casos confirmados, não acho que você deva fechar.

Agora se você está em uma cidade que tenha um caso, eu penso que é bem importante que cada um faça a sua parte, que fique em casa, que se recolha nesse momento, para a gente evite a propagação do vírus, então eu acho que sim.

Muita gente está falando também assim: “Dani aqui não ´obrigado a fechar, só que meu movimento está em 10%, 15%”, eu digo: fecha, fecha porque se as pessoas já estão apavoradas é porque esse movimento já está acontecendo na sua cidade né.

9- Não contribuo com o MEI, se eu ficar doente, pegar o coronavírus, ter que me afastar, terei o benefício?

R- Não, as pessoas que recebem o benefício do INSS, elas precisam contribuir, precisam ser contribuintes.

Você até recebe se você estiver dentro do prazo de carência, ou seja, você contribuiu ano passado, não maior que um período de 12 meses ou se você contribuiu por 12 meses também,

Então, você tem que ter contribuído 1 anos pelo menos para ter direito a algum benefício, agora passou de um ano, por exemplo você pensa “a eu deixei de pagar em março de 2019” então você não é mais assegurado, importante pagar o MEI para essas coisas.

Sobre o Imposto que vence hoje, agora, já vai ficar velha a notícia né, eu dei a indicação de priorizar também, mas se não tem dinheiro não paga.

10- Posso atender em domicílio?

R- Essa pergunta também saiu muito, eu achava no começo da semana “a ok, pode atender em domicílio”, agora eu acho que não gente, não é o momento de a gente circular, o que adianta não atender no salão e atender na casa do cliente, então, na maioria das cidades, claro, de novo:

Se na sua cidade nem se fala nada de corona vírus ainda, provavelmente você nem está assistindo a aula até essa hora, mas não acho aconselhável atender a domicilio.

11- Quanto tempo, Dani, a gente vai suportar sem quebrar? Quanto tempo essa crise pode durar sem que a gente quebre?

R- Essa resposta, cada empresa tem a sua, vai depender muito da sua reserva financeira, mas também vai ter essa opção de financiamento, eu também acredito que quem é empreendedor, quem tem o empreendedorismo na veia, vai se adaptar gente

Ah, não tenho dinheiro pra manter as contas da minha empresa aberta?

A gente pega esse financiamento e parcela não sei quantas vezes, busca novas formas de pensar em rentabilizar quando for voltar.

Enfim, como eu falei está todo mundo no mesmo barco né, agora a resposta de quantos meses eu posso passar sem eu sentir tanto, vai depender muito da programação financeira de cada uma né, do planejamento financeiro de cada um,

Por isso que eu falo da importância da gestão financeira e planejamento. Nós, empresários e autônomos temos que pensar nisso sempre.

Essas foram as perguntas que eu mais respondi durante essa semana, eu estou fazendo Live todos os dias as 8h da noite, para responder perguntas novas, ou até perguntas recorrentes que de repente mudam,

Eu falo que tudo que eu tenho comunicado com vocês tem duração máxima de 24h, talvez nem isso porque as coisas estão mudando muito rápido, tem muita coisa nova chegando.

A partir de agora, terá muita oportunidade em sentido de financiamento, ajuda de governo, ajuda de pessoas, que também é muito importante, que cada um possa estudar no que que possa ajudar nesse momento, eu estou ajudando, divulgando material, no que você pode ajudar nesse momento?

Eu recebi em um grupo, de um amigo, que uma empresa selecionou dez pessoas para ajudar com 500 reais durante 3 meses, então muita coisa vai surgir, muita ajuda vai surgir e é preciso estar atento.

Conte comigo para passar por esse momento, este todo mundo junto, no mesmo barco e vai passar, tudo passa né, coisa boa passa, coisa ruim passa a vida passa, tudo vai passar então vamos nos apegar nisso nesse momento, beijos até uma próxima aula.

2 respostas em "Perguntas e Respostas sobre Coronavírus e Mercado da Beleza!"

  1. Olá Gostei do Artigo,aguardo mais novidades como esta muito obrigado

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Criadores de Imagem. Todos os direitos reservados.
X